Acessibilidade

Wilson Lima anuncia abertura de 400 leitos para Covid-19 em parceria com instituição privada

O governador Wilson Lima visitou, nesta quarta-feira (01/04), as instalações de um hospital particular, onde o Governo do Estado prevê ampliar a quantidade de leitos para pacientes graves de Covid-19 no Amazonas. A medida está contemplada no Plano de Contingência estadual, que prevê um conjunto de ações a serem viabilizadas em caso de agravamento da pandemia do novo coronavírus.

O governador Wilson visitou as instalações do hospital particular para firmar parceria – Foto: Diego Peres/Secom

“Nós estamos nos preparando para os casos que podem ser agravados de coronavírus. Nós estamos nessa estrutura onde há 400 leitos clínicos. A gente opta por uma estrutura como essa e não um hospital de campanha porque aqui já tenho toda a estrutura hospitalar como espaço para esterilização, rede de gases como oxigênio, que são fundamentais nesse processo. Aqui a gente já está no processo de preparação dessa unidade para receber esses pacientes”, explicou o governador.

De acordo com Wilson Lima, o Hospital e Pronto-Socorro Delphina, referência para os casos graves de Covid-19 na rede estadual de saúde, conta com 350 leitos clínicos que poderão ser transformados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) em caso de necessidade. Para isso, o Governo do Estado não tem medido esforços para equipar essas futuras unidades e garantir a devida assistência aos pacientes que venham a precisar delas.

“O Estado ainda tem uma dificuldade para conseguir os respiradores, porque há uma concorrência no mundo todo para conseguir esses equipamentos, que são fundamentais para a montagem dessas UTIs. Mas nós estamos nessa briga para comprar esses equipamentos, inclusive já estamos fechando uma parceria com uma empresa do Distrito Industrial e a Universidade do Estado do Amazonas para fazer a fabricação desses equipamentos”, garantiu.


Reportar Erro